BUSQUE O ARTIGO

Moda, Beleza e Comportamento

Tag Archives:
empreendedoras

Detox de Fim de Ano

Quando o ano vai chegando ao fim e a gente percebe que temos poucas semanas até o calendário “virar” a gente vai sendo tomada por um desejo de renovação que chega a ser mais forte do que a gente, né não?

E aí é um tal de promessa pra cá, meta pra lá, limpeza nos papéis da casa, do escritório, no quarto das crianças… e o seu guarda roupa, há quanto tempo não vê um (bom) detox?

Dizemos “bom” porque detox bom é detox feito sem dó, com base em aspectos práticos e técnicos e sem apegos emocionais. A gente garante que um detox bem feito faz milagres! Por isso, anota aí 5 dicas de ouro pra fazer o seu detox nesse final de ano e entrar em 2017 arrasando nos negócios!

  • Se você não usou determinada peça de roupa nos últimos 12 meses, é bem provável que você nunca mais vá usa-la: isso porque se você já teve a chance de usa-la em todas as estações do ano e não usou, é bem pouco provável que você ame aquela peça, ou que ela caiba no seu corpo e/ou na sua vida. Melhor liberar o espaço 😉
  • Se seu sapatinho “velho de guerra” já foi pro conserto várias vezes e está pedindo arrego de novo, considere seriamente jogá-lo fora e substituí-lo por um novo em modelo e cor semelhante pra não correr o risco de passar aperto numa situação em que isso não permita (tipo arrebentar a lateral numa reunião, quebrar o salto chegando num evento… melhor não, né?);
  • Velho é diferente de vintage: ou seja, se você guarda peças antigas esperando a moda “voltar”, pense duas vezes. Salvo raríssimas exceções, quando a moda “volta”, ela é inspirada em determinada época e não resgatada de lá (rs), ou seja, pra não ficar com cara de figurino de novela de época, guarde apenas as peças que significam algo pra você sentimentalmente numa caixinha, longe do seu guarda-roupa do dia a dia, tá?
  • O que você está guardando pra usar “quando emagrecer” deve ser retirado do seu guarda-roupa se você precisa perder mais do que 2 ou 3 quilos pra usar. Isso porque pode ser que demore muito pra isso acontecer e/ou que o seu corpo (e sua cabeça) mude muito no processo. E muito provavelmente quando você chegar nesse peso você já não vai mais querer usar aquela roupa ou ela nem vai cair bem em você… melhor tirar e quando você chegar no peso desejado, se dê uma peça nova de presente inspirada na que você tirou no seu detox!
  • Mande pra costureira ou pra lavanderia TUDO o que não estiver sendo usado porque está sem botão, manchado, com a barra (da saia, da calça, das mangas…) longo demais. E o que estiver “sem salvação” (puído, velhinho, machas que não saem, etc.), saem imediatamente!

Lembre-se de que tudo o que você tirar do seu guarda-roupa que estiver em bom estado pode ser vendido, trocado com as amigas… então, aproveite também o detox pra ganhar um dinheirinho ou pra trazer algumas peças novas pro seu guarda-roupas sem gastar dinheiro…

Nos vemos em 2017!

Um lindo Ano Novo pra vocês!!!!!

 

Beijo grande,
Carol e Carlinha
Assinatura de Estilo
www.assinaturadeestilo.com.br
FB: Assinatura de Estilo
Instagram: @estiloassinatura

 

Cobrança indevida de ICMS sobre a conta de uz

Queridas Bellas Empreendedoras, hoje tratarei de um assunto muito importante pois alcança a todas as pessoas que consomem energia elétrica, seja no quotidiano da vida pessoal, seja na vida empresarial: A COBRANÇA INDEVIDA DE ICMS SOBRE A CONTA DE LUZ.

Precisamos saber que a composição do custo da conta de enérgica elétrica observa os seguintes parâmetros: energia consumida, distribuição, transmissão, tributos, encargos e taxa de iluminação pública.

Nesse contexto, o Governo do Estado de São Paulo vem cobrando mais do que deveria pelo Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide na conta de luz, e a arrecadação equivocada faz com que as pessoas paguem até 35% a mais na tarifa de energia elétrica.

No cálculo do ICMS, o governo deveria tributar apenas o valor da energia elétrica. Ao invés disso, calcula o ICMS sobre o valor da energia e sobre a TUSD (que significa Tarifas de Uso dos Sistemas de Distribuição, identificada na conta de energia apenas como distribuição) e TUST (que significa Tarifas de Uso dos Sistemas de Transmissão, ou apenas transmissão).

A TUSD e a TUST fazem parte de um valor cobrado pelas empresas de distribuição de energia para remunerar instalações, equipamentos e componentes da rede de distribuição. Assim, remuneram as operações anteriores à consumação de energia, pois representam meio necessário à prestação desse serviço público, de forma que a inclusão no cálculo não caracteriza o fato gerador do ICMS – e, por isso, essas tarifas não podem ser incluídas em sua base de cálculo.

A boa notícia é a possibilidade de se conseguir na Justiça a redução do valor e a devolução do que já foi pago indevidamente nos últimos cinco anos, e corrigido!

O Superior Tribunal de Justiça tem decidido, de forma reiterada, pela não inclusão dos valores referentes à TUST e à TUSD na base de cálculo do ICMS, já que o ICMS somente incide nas operações que envolvem a comercialização (consumo) de energia elétrica para o consumidor final.

Nesse caso, é possível pleitear a restituição do ICMS pago indevidamente sobre TUST e TUSD, e o fim das cobranças ilegais nas contas futuras. E, para tal, são legítimas para ingressarem em juízo tanto as pessoas físicas quanto as pessoas jurídicas que pagam a conta de energia.

Importante destacar que o valor a ser devolvido dependerá de cálculos feitos com base nos valores pagos nos últimos 60 meses, atualizados até os dias atuais.

Por fim, vale destacar que o direito de ver afastadas as tarifas (TUSD e TUST) da base de cálculo do ICMS da conta de energia elétrica tem sido conhecido através de decisões de vários Tribunais do país. E os tribunais superiores, STJ e STF também já se manifestaram favoráveis ao autores-contribuintes nas demandas que discutem esse assunto, o que oferece segurança para ingressar com a ação.

Desse modo, Bellas, é possível suspender a cobrança e recuperar valores cobrados e pagos indevidamente, o que, em tempos de crise, sempre é uma forma de economizar.

Esse texto foi interessante?

Deixe sua opinião, sugira novos temas. Vamos trocar experiências!

Daniela Mondino Cantori

OAB/SP 311.204

Fone: (11) 97606.6666

www.danielacantori.com

Facebook/daniela.cantori.9

Como você reage diante de novos desafios?

É um imenso prazer estar com vocês mais uma vez. Hoje vou falar dos desafios que encontramos no nosso dia a dia para alcançar os objetivos que tanto almejamos.

A vida de empreendedora é cheia de novos desafios, é acordar de manhã e não saber exatamente o que vai acontecer no dia, na semana, nos próximos meses e no ano.

​Alguns desafios consideramos menores, outros maiores, mas o que não nos falta são obstáculos nessa jornada como empreendedora, ou melhor, nessa jornada chamada vida.

“A vida é cheia de desafios. Aceite-os como uma oportunidade para crescer”.

Johnny De Carli

Quantas vezes deixamos de encarar novos desafios e seguimos no mesmo patamar?

Existem muitos fatores que podem nos deixar nessa situação. Seguem alguns deles:

MEDO – O medo algumas vezes nos protege de situações de risco, como quando buscamos atravessar a rua na faixa de pedestres para não sermos atropelados. No entanto, fora da medida pode limitar nosso crescimento. Muitos têm medo que a empresa cresça, pois terão mais funcionários e pagarão mais impostos. Medo de não ter clientes o mês que vem. Medo de fracassar. Você já pensou em quantas oportunidades perdeu pelo medo?

CRENÇAS LIMITANTES – As crenças limitantes nos fazem crer em algo como verdade, a maioria das vezes sem nenhum questionamento se aquilo é realmente verdadeiro. Se você diz “eu não consigo me organizar” ou “eu não sou bom o suficiente para atender esse cliente”, dificilmente conseguirá dar um passo rumo ao seu objetivo.

ZONA DE CONFORTO – Apesar do nome, não se trata de uma zona confortável. Trata-se de uma zona conhecida, onde não se arrisca e as coisas são aceitas como estão. Você pode estar há anos com sua empresa no mesmo patamar, no entanto, não toma nenhuma atitude a respeito.

Vencer o medo, substituir crenças limitantes por crenças fortalecedoras e sair da zona de conforto são atitudes importantes para atingir o sucesso em qualquer área da nossa vida.

A vida é um contínuo processo de crescimento e requer coragem e atitude para darmos os próximos passos. Para isso, é fundamental definir objetivos e fixar os olhos neles. Stephen R. Covey diz, em seu livro “Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes”, diz que se deve começar com um objetivo em mente, pois isso significa saber para onde se está seguindo, de modo a compreender melhor onde se está agora e dar os passos sempre na direção correta.

Você tem em mente seus objetivos? Quais são? Você tem fixado seu olhar neles?

Renata Trinta

Coach profissional

www.rethink-coaching.com
E-mail:renatatrinta@rethink-coaching.com
Fone : 11 – 99545.0252

 

Autoestima e Autoconhecimento!

Estamos num grupo de mulheres empreendedoras, certo? Isso significa que 100% de quem está aqui canta, dança e representa, rs, ou seja, samba no miudinho pra dar conta da sua empresa e da vida pessoal.

E ai um dia desses a gente para, se olha no espelho e quase morre do coração porque não se vê, não se reconhece. Quem aqui já passou por isso?

É tanta coisa pra fazer (mandar orçamento, fazer supermercado, entregar o job no prazo, buscar os filhos na escola, se dedicar a um projeto novo, comprar o presente da sogra… affffffffff!!!!!!!!) que a gente acaba se deixando em segundo plano e quando vai ver, a autoestima tá lá no pé. Não né, gente?

E por mil motivos: porque não é legal se sentir relegada a segundo plano por você mesma, porque quando a nossa autoestima está lá no alto a gente vive e trabalha melhor e porque (agora vem o argumento de vendas matador): porque quando a gente se cuida, vive bem e se acha o máximo, a gente VENDE melhor!!!!! E ai ganha mais, entra naquela onda deliciosa de otimismo que só quem é empreendedor conhece! 😉

Por isso é tão importante cuidar da nossa imagem, que, no final das contas, é um reflexo do nosso estilo: porque quando refletimos por fora o que temos por dentro (e, neste caso, com a autoestima lá em cima, vamos trazer pra fora o que temos de melhor), a gente não precisa gastar tanto nosso latim pra vender nossos produtos e serviços, pois você vai ser o seu melhor cartão de visitas!

Então, pra gente começar, vai aqui uma reflexão: se você tem seu negócio próprio, trabalha de casa, vai em reuniões com clientes ou parceiros 2 ou 3 dias por semana, quase não sai a noite, prioriza seu conforto acima de tudo e é super feminina, em que tipo de roupa vale a pena investir? Com certeza não é numa calça de couro super justa, não é? Por mais linda que ela seja! Rs

É nisso que a gente quer que você pare pra pensar: que não importa qual seja a tendência da vez, o que importa é o que faz sentido pra você e pra sua vida e por isso se autoconhecer é tão importante. Assim, a gente deixa de gastar dinheiro com roupas que não fazem sentido pra gente e investe só no que vamos usar de verdade. Vale também tentar entender padrões que se repetem na nossa lista de desejos e porque. Se você percebeu que está apaixonada por saias midi, bora tentar experimentar algumas no shopping sem compromisso e ver se você gosta! Se gostar, maravilha, compre uma e use muito, até cansar, de mil jeitos diferentes pra fazer valer seu ryco dinheirinho. Agora, se você não gostou, tente entender o que te incomodou, mas principalmente, o que te fez se apaixonar por ela em primeiro lugar. Era a cor, a cintura marcada? Alguma textura? Isso com certeza vai te contar alguma coisa sobre você que você ainda não sabia…

Beijo grande,

Carol e Carlinha

Assinatura de estilo

www.assinaturadeestilo.com.br

FB: Assinatura De Estilo

Instagram: @estiloassinatura

O caminho para o sucesso

Olá Bellas, sou administradora de empresas com MBA em Marketing, palestrante, coach profissional e idealizadora da ReThink. Ajudo pessoas a repensarem sua jornada e encontrarem o seu caminho para o sucesso, promovendo autoconhecimento, trabalhando as crenças a respeito de si próprias e desafiando-as para que superem seus limites e atinjam seus objetivos. Vou compartilhar ideias com vocês através deste canal, fiquem a vontade para sugerir temas e fazer perguntar, ok?

Muito se fala sobre o sucesso, no entanto o sucesso é visto de diferentes formas por cada um de nós.

  • O que é sucesso para você?
  • Você se considera uma pessoa de sucesso?

Considero que sucesso é conquistar o que deseja, alcançar as suas metas, seus sonhos e atingir os seus objetivos.

Como traçar o caminho para o sucesso?

Para atingir o tão sonhado sucesso é importante que você defina exatamente onde quer chegar e o que é sucesso para você. Ter uma visão clara de quais são os seus propósitos e motivações para chegar lá.

Coloque sempre suas metas em um papel, um arquivo no computador ou em qualquer outro lugar de fácil acesso. Faça um plano detalhado para alcançar suas metas. Entre em contato com elas diariamente e coloque em prática o seu plano.

Trabalhe seus pontos fortes, são eles que farão você avançar rumo ao seu objetivo, não deixe de lado seus pontos de melhoria, trabalhando neles e criando estratégias para lidar com suas fraquezas.

Um exercício interessante é pedir feedback dos seus pontos fortes e de melhoria para parentes, amigos e colegas de trabalho. Isso te ajudará a reconhecer cada um deles para trabalhá-los a seu favor.

Seja positiva, veja o lado bom das situações e o que pode aprender com elas. Elogie a si mesmo e os que estão a sua volta.

Aprenda com seus erros, tenha coragem de mudar e jogar fora aquilo que não te serve mais.

Se comprometa com seu objetivo, acredite que você é capaz e que pode ir além.

Pratique a gratidão, a vida te dá muitos motivos para ser grata. Fique atenta a cada um deles e agradeça diariamente.

E por último; não importa o que for fazer coloque todo o seu amor, seja apaixonada pela vida e pelo seu propósito.

Te desejo um caminho de sucesso.

Renata Trinta

www.rethink-coaching.com
E-mail:renatatrinta@rethink-coaching.com
Fone : 11 – 99545.0252

A IMPORTÂNCIA DO REGISTRO DE UMA MARCA.

Bellas,

Vocês ja ouviram falar em registro de marcas? Às vezes é comum que os empresários não deem muita importância para o registro de sua marca. Não se dão conta de que a marca é um bem patrimonial intangível que se valoriza na medida que sua empresa cresce no mercado. Algumas vezes, torna-se mais valiosa do que os demais bens da empresa.

É por este motivo que os empresários precisam tomar conhecimento da importância do registro de uma marca para que possam exercer o direito de seu uso exclusivo, protegendo seus negócios e seus direitos e afastando a nefasta concorrência desleal, desde o início de suas atividades.

Importante frisar que o êxito no registro de uma marca depende de uma avaliação prévia, minuciosa, criteriosa e honesta que deve ser feita perante INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) por escritório de assessoria em registro de marcas. Caso contrário, o empresário poderá perder todo o investimento feito na marca pretendida, podendo ainda ser acionado pela Justiça por uso indevido e ficar sujeito a indenização por perdas e danos.

E você já havia parado para pensar na importância de registrar sua marca?

Beijos,

Meliza Colonnese
OAB/SP 146.466
Advocacia Paulo Colonnese e Associados
Fone: (11) 3104-6313