BUSQUE O ARTIGO

Moda, Beleza e Comportamento

Tag Archives:
nhoque de batata

O verdadeiro nhoque de batata.

Bellas,

Ao longo da história da Itália, a penúria dos períodos de guerra deixou ao menos uma herança positiva: diante da escassez de ingredientes, as mammas exercitaram sua criatividade e criaram receitas que se tornaram clássicos da culinária.

Justamente o nhoque se enquadra nessa categoria. Embora os historiadores não consigam precisar o momento exato, sabe-se que o primeiro prato de nhoque foi produzido até o século 17. Os italianos sabiam que a farinha de trigo, racionada, era um item que não faltava na despensa dos ricos, que continuaram a cozinhar suas massas. Já os pobres precisaram inventar um jeito de transformar o pão velho na pasta seja ralado ou moído, o pão era misturado com um tantinho de farinha e água quente. Então a massa era modelada em cilíndros e cortada em toquinhos, que depois eram cozidos em água ou em um caldo de vegetais e ossos de galinha. E não é que ficava gostoso? Com o tempo, curiosamente até os ricos copiaram essa ideia.

A batata foi a última a entrar na história, pois chegou à Europa no século 18. Hoje, cada região da Itália tem sua versão de gnocchi (a grafia em italiano).

Aqui no Brasil, destaca-se a receita clássica dos nhoques de batata, que pedem um mínimo de farinha de trigo, só o suficiente para dar liga – se abusar da farinha, o nhoque fica pesado e duro.

Uma boa dica para fazer um nhoque saboroso é usar a batata asterix, aquela de casca rosada, justamente, por ser mais seca, não precisa de tanta farinha para dar ponto.

Então, para celebrar esse prato delicioso, que tal aprender a preparar um gnocchi delicioso e servir para sua família no domingão?

Nhoque de batata.

Ingredientes:
6 batatas médias Asterix;
1 xícara de farinha de trigo;
Sal a gosto;

Molho:
1 lata de molho de tomate;
½ cebola picada;
1 colher de sopa de azeite;
½ kg de carne moída;
½ maço de cheiro verde picado;
Sal a gosto;

Modo de fazer:
Cozinhe as batatas médias Asterix em água, até que estejam macias. Descasque-as e passe pelo espremedor ainda quentes. Vá acrescentando a farinha e o sal aos poucos, amassando bem.

Coloque a massa sobre uma mesa enfarinhada e faça rolinhos. Corte cada rolinho em pedaços de mais ou menos 2 cm. Leve ao fogo, em uma panela com bastante água com sal. Quando a água levantar fervura, vá colocando os nhoques, até eles começarem a subir.

Coloque água fria em uma bacia com um escorredor dentro, retire os nhoques já cozidos e coloque-os no escorredor para dar choque térmico. Repita o processo até toda massa do nhoque estar cozida

Escorra bem e coloque o nhoque em um refratário, em seguida reserve.

Molho:
Pique a cebola e, em uma panela, frite com azeite. Acrescente a carne moída, o cheiro verde, o sal a gosto e mexa bem. Quando a carne moída já estiver cozida, acrescente o molho de tomate e deixe cozinhar por mais 5 minutos

Despeje-o sobre o nhoque e sirva quente.

Rendimento: 6 porções.

Bom apetite!
Michele Rachel Ventura Danciger
Consultora de Nutrição e Gastronomia da Bio Food
www.facebook.com/biofood.express